Femama Batalhadoras. Todo dia uma vitória contra o câncer de mama. Marlí Marcon
  • Twitter
  • Facebook
  • Tou tube
  • RSS
Artigos mais recentes
  • Saúde

    Cisto mamário pode evoluir para câncer de mama?

    De acordo com o Dr. Ricardo Caponero, médico oncologista e presidente do Conselho Técnico Científico da FEMAMA, o cisto mamário é uma lesão de formato esférico, preenchida por líquido, localizada no interior da mama. Ele não costuma evoluir para câncer, se caracterizando como uma alteração funcional benigna, diferente do tumor, que poderia ser uma lesão neoplásica. Mas é fundamental consultar um especialista, capaz de fazer a correta avaliação e diagnóstico.

    Leia mais

  • Notícias

    Não imaginava que homem podia ter câncer de mama, diz paciente

    Ao sentir um nódulo no lado direito do peito, o paulista Carlos Alberto Louro, de 50 anos, pensou \"em qualquer besteira\", menos na possibilidade de ter um câncer na mama. Achava que a doença acometia somente mulheres, e por isso levou dois anos até procurar um médico com especialidade em clínica geral. No consultório, descobriu que o tal caroço era um tumor maligno.

    Leia mais

Fique ligada
  • Batalhadoras | 01/novembro

    Elaine Cristina

    Olá meninas! Para as meninas que ainda não conhecem a minha história, eu me chamo Elaine, tenho 41 anos, casada (muito bem casada) e mãe da Isabela, de 14 anos, e do Isaque, de 9 anos.

    Leia mais

  • Batalhadoras | 01/novembro

    Rílvia Santiago

    Eu sou a Rilvia, tenho 36 anos, sou professora universitária, casada e ainda não tenho filhos. Quando soube do meu diagnóstico, eu não conhecia ninguém jovem que tivesse tido câncer de mama e decidi criar uma página no Facebook também para alertar mulheres jovens a se cuidarem desde cedo.

    Leia mais

Vídeos | Título Vídeo

Curta-metragem fala sobre a [...]

Galarias de Vídeos - clique aqui
Artigos mais lidos
  • Câncer de Mama | 10/outubro

    Convivendo com a doença / Dicas de cuidados durante o tratamento

    Eu sou a Rilvia, tenho 36 anos, sou professora universitária, casada e ainda não tenho filhos. Quando soube do meu diagnóstico, eu não conhecia ninguém jovem que tivesse tido câncer de mama e decidi criar uma página no Facebook também para alertar mulheres jovens a se cuidarem desde cedo.

    Leia mais

@femama_